Prezado leitor,
É permitida a utilização do conteúdo desse site, desde que citada a fonte.
Para isso, leia as regras aqui e preencha o cadastro em anexo.

Configuração mínima necessária:
Internet Explorer 7 ou Firefox 3
Resolução: 1024x768

Conheça a nossa página no Facebook Conheça a nossa página no Twitter

Entenda o seguro multirrisco condomínio

Dicas

• Recomendações de segurança

• Aos síndicos

• Aos condôminos

• Aos funcionários do condomínio

• Em caso de assalto

• Sistemas de proteção

 

Tudo Sobre Seguros orienta sobre os cuidados a serem tomados para evitar surpresas na hora de o condomínio ser indenizado num eventual acidente.

As principais dicas se referem à segurança do condomínio, seja vertical ou horizontal, residencial, comercial, misto, de escritórios e consultórios, de flats e apart-hotéis ou shopping centers.

Em edifícios de apartamentos a segurança costuma ser maior, mas é preciso estar atento às condições mínimas de prevenção e cuidados. A segurança é, antes de tudo, participação de todos. Nesse sentido, o entrosamento entre síndicos, condôminos e funcionários é fundamental.

Recomendações de segurança

Veja o que diz o Manual de Orientação dos Síndicos, Moradores e Funcionários de Edifícios da Secretaria de Segurança Pública do estado de São Paulo:

Aos síndicos:

• Solicitar os antecedentes e referência aos funcionários que serão contratados.

• Dar preferência aos candidatos que já tenham cursos de formação e treinamento para trabalhar em condomínios.

• Manter as entradas do edifício bem iluminadas, evitando a colocação de objetos de decoração e jardinagem que atrapalhem uma visão ampla das dependências externas à distância.

• Conferir a manutenção dos equipamentos de segurança e o perfeito funcionamento das portas de entrada e portões de garagem que devem, em caso de quebra, ser imediatamente consertados para não comprometer a segurança do condomínio.

• Cadastrar todos os moradores com dados pessoais, dos veículos e até de parentes próximos. 

Aos condôminos:

• Ter consciência de que sua compreensão e colaboração são fundamentais para a segurança do condomínio. Não reclamar dos funcionários, mas sim elogiá-los, quando estes solicitarem a parentes ou amigos do morador que permaneçam do lado de fora do edifício até serem identificados. Para evitar constrangimentos, o condômino pode avisar à portaria que aguarda alguma visita, antecipando a identificação que será apenas conferida.

• Ao entrar ou sair da garagem do condomínio, observar se há pessoas estranhas e suspeitas. Aguardar fora do alcance até que a suspeita seja dissipada.

• Cooperar com a instalação e manutenção de equipamentos indispensáveis à segurança, como interfone, câmeras de vídeo, porteiro eletrônico, alarmes, detectores e equipamentos de combate a incêndio.

• Colocar olho mágico de 180 graus nas portas dos apartamentos, já que as correntes, na maioria das vezes, são muito frágeis e não oferecem proteção.

• Solicitar antecedentes e referências para a contratação de empregados, como diaristas, babás, motoristas, etc.

 

Aos funcionários do condomínio:

• Identificar o visitante antes da abertura do portão, conversando com o mesmo pelo interfone e avisando o morador, para ter a sua autorização. Em caso de dúvida, pedir ao morador para que ele se dirija à portaria. Enquanto isso, o visitante deve ser mantido do lado de fora do edifício.

• Nunca deixar os entregadores (flores, farmácia, restaurantes, etc.) levarem a encomenda até o apartamento. Pedir ao morador para recebê-los na portaria ou só deixá-los entrar depois de receber autorização

• Quando um morador estiver entrando ou saindo do edifício, só abrir o portão depois de verificar que não há pessoa suspeita nas proximidades.

• Nos horários de limpeza das áreas externas e de recolhimento de lixo, manter todas as entradas do edifício fechadas.

• A entrada de funcionários e prestadores de serviços (de concessionárias de luz, água ou energia elétrica; de entregadores de mercadorias e outros profissionais) deve ser precedida de identificação e anotação da carteira de identidade e funcional. Solicitar autorização do morador. O porteiro não deve se impressionar com a aparência de visitantes, técnicos ou não, solicitando sempre a sua identificação.

• O porteiro deve falar com o visitante apenas o necessário, evitando informar sobre locais de trabalho dos condôminos, de suas viagens, horários de deslocamento, colégios onde os filhos estudam, etc.  

Em caso de assalto:

Apesar de todos esses cuidados, sempre pode ocorrer um assalto. Se isso acontecer, procurar manter a calma, não encarando nem discutindo com os bandidos. Procurar gravar, com o máximo de detalhes possíveis, as características dos assaltantes, como cor, altura, cabelos, olhos, cicatrizes, tatuagens, forma de falar, etc.

Topo

Sistemas de proteção

• A existência de sistemas de prevenção, detecção e combate a incêndio (além de sistemas de proteção contra roubo) proporciona descontos no prêmio do seguro. Qualquer modificação – ou atualização – desses sistemas deve ser comunicada à seguradora, já que pode influir na redução ou não do risco, com reflexo direto sobre o custo do seguro.

• Boa parte das seguradoras exige para a extensão da cobertura de responsabilidade civil da guarda de veículos para motos que estas fiquem no interior do condomínio e fixadas ao solo, ou em colunas, por correntes e cadeados fechados à chave. O condomínio deve providenciar uma estrutura de cimento para que as motos sejam guardadas  dessa maneira. A leitura do contrato do seguro é essencial para saber se existe restrição à cobertura de motos.

• Os condôminos devem ter seguros individuais para os seus veículos. A apólice do seguro condomínio não cobre perdas ou prejuízos de automóveis, motos, barcos, etc., em caso de incêndio no prédio.

• Os danos materiais, por colisão, incêndio e roubo causados a veículos de outras pessoas que não sejam moradoras do edifício, desde que estejam no interior do condomínio, serão indenizados quando houver cobertura de responsabilidade civil da guarda de veículos de terceiros.

• As chaves de todas as dependências do condomínio não devem ser deixadas com os empregados, nem devem ser deixadas cópias na portaria.

• Oriente as crianças sobre a utilização correta dos elevadores. Lembre que o elevador não é lugar de brincadeiras.

Topo